segunda-feira, 2 de abril de 2012

SOU SUA

Sou sua mulher sem limites.
Inteiramente tragada pela paixão.
Como uma membrana permeável.
Ofereço-me a você, me contamine por inteiro.
Dou-me irremediavelmente.
É seu meu corpo e meu tempo.
É sua minha dedicação e meus recursos.
Desde que amo você me eternizo.
Carregarei toda a sua dor e incerteza.
Assumirei suas d
ívidas em todos os sentidos.
Protegerei você da sua própria insegurança.
Projetarei em você toda qualidade que nem cultivou em si mesmo.
Curarei as suas feridas.
Desvelarei o véu que cobre os seus olhos.
Reinventarei a fantasia e o sonho.
Velarei o seu sono.
Incensarei o seu espírito.
Pontilharei seu caminho de esperança.
E te darei o sol, as estrelas e a chuva.
É todo seu este amor desmesurado.
Esta torrente de bem querer.
Esta doutrina de solicitude.
As oferendas de flores de perfume delicado.
Eu te entrego com generosidade.
S
ó te peço docemente.
Apenas receba-me em seu leito.
E me reserve um olhar de acolhimento.
Guarde-me no seu peito.
E se desnude e me aceite.
Sou sua.

Nathalia  Leão Garcia

Rio, 16-01-2011



ENVIO AO CÉU

             Meu querido amigo Israel!           Hoje lhe conto da emoção que reverbera no meu ser, com a leitura do Conto Olhos D´água...