segunda-feira, 6 de agosto de 2012

RELIGARE




Sou o que penso
Penso o que acredito
Acredito no que sinto
Sinto o que me interessa.
Não preciso de sacerdotes que me mostrem
Caminhos que se distanciam de mim
que me aproximam dos desertos
que me afastam da paz  
A paz que reside no silêncio do meu interior.
Não quero ritos nem mitos
Posso viver com simplicidade.
Felicidade é uma viagem não um fim.

Nathalia Leão Garcia
Rio, 06 de agosto de 2012.





ENVIO AO CÉU

             Meu querido amigo Israel!           Hoje lhe conto da emoção que reverbera no meu ser, com a leitura do Conto Olhos D´água...