domingo, 26 de agosto de 2012

PORTAIS POÉTICOS


A poesia navega no barquinho das nossas ilusões 

pelos rios caudalosos da vida,

trafega nas noites insones enluaradas,

transita também pelos dias ensolarados

buscando afeto e aceitação.



Nathalia Leão Garcia


Rio, 26 de agosto  de 2012.



CONFISSÕES DE UMA REJUVENESCENTE

Na eminência dos 50 anos revigorada Ainda tento colher minhas memórias reticentes A desorganização do meu ser em desalinho esparramad...