quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

TANTO FAZ ?




O desejo subsiste mesmo quando transferido!
Não é inexistente!
Apenas está latente.
Pode estar camuflado, escondido.
Talvez tenha se travestido
e através do outro vai se manifestar.
O poder é compartido.
Não há acasos!
Toda escolha leva a renunciar.
Pego algo, perco um pouco.
Esse é o jogo!
Perder para ganhar.
É utopia a neutralidade.
Por isso a negação é fogo!
Não finja agir com naturalidade.
As segundas intenções estão embutidas.
A inocência presumida não é verdade.
A suposta “não ação” é subversiva.
Subterrânea, age nos bastidores.
São desejos de não desejar.
As promessas serão cumpridas.
Somos na vida apenas atores!


Rio, 16 de janeiro de 2013

Nathalia Leão Garcia 



CONFISSÕES DE UMA REJUVENESCENTE

Na eminência dos 50 anos revigorada Ainda tento colher minhas memórias reticentes A desorganização do meu ser em desalinho esparramad...