quinta-feira, 18 de abril de 2013

IRMÃOS



Emoção que brota sapeca!
Espontânea desperta.
Sentimentos e lembranças
Irrompem pela porta aberta.
São eternas crianças.
Que brincam e dançam
Entregam-se aos soluços
Bem vindos da alma
Sorrisos e abraços
E tudo o que mereçam.
São eternos os vínculos.
Unidos pelo amor
Ultrapassam a distância
Entremeiam as andanças
As lágrimas banham 
Pelos olhos escorrem
Os corações inundam 
E os afetos nunca morrem.     

Rio, 18 de abril de 2013

Nathalia Leão Garcia 

















criancas-brincando

REFLEXÕES SOBRE A VIOLÊNCIA

Escrevo agora pela necessidade de me pronunciar sobre os acontecimentos atordoantes que se desenrolaram nas dependências de nosso Colégio ...