sábado, 14 de abril de 2012

SUBVERSIVA


Na vida só a mudança é certa.
Retas "dizem" : opção correta!
Porém prefiro errar 
Sigo em curvas 
Insidiosas e turvas
Tortuosos labirintos me atraem
Dispenso certezas enganosas
Vejo os sofismas que me traem
Insisto em tramas sinuosas 
Paraísos falsos me distraem
Mas eu sempre retorno aos infernos astrais
Há perigo em cada esquina
Saio sozinha e atravesso temporais  
O tênue equilíbrio me ensina
Perder o juízo e abrir os portais
Revelar incertezas e tramas da sina
A alma me guia por caminhos amorais
De janeiro a janeiro a estrela matutina
Deusa do amor e da beleza inspira nós mortais  
Oh Vênus me ilumina!
Doce,amargo,ácido e salgado: prazeres sensoriais 
Mente que prova a diversidade sem disciplina
Percorre distâncias abissais 
Bagunça,provoca sentidos e me inclina
É disso que vivo em buscas colossais 
Iludindo o tempo e a monotonia cretina
Prossigo em descompasso e rebeldia imortais 

Nathalia Leão Garcia 
Rio, 14/04/2012



ENVIO AO CÉU

             Meu querido amigo Israel!           Hoje lhe conto da emoção que reverbera no meu ser, com a leitura do Conto Olhos D´água...